Nossa plataforma de projetos

plataformadeprojetos

#1

A “Plataforma de Projetos da OKBr” teve seus altos e baixos, mas nunca deixou de ser importante para a OKBr. O @peter sugere discutir aqui alguns pontos-chave:

Sugestão de pontos-chave (sem ordem de prioridade), que já foram levantados em trocas de e-mail e conversas (reunidos aqui):

  1. projetos maduros e projetos incubados;

  2. projetos institucionais da OKBr e projetos que são propostos pela comunidade;

  3. projetos propriedade da OKBr e propriedade coletiva/dispersa;

  4. projetos com custos financeiros e sem custos financeiros;

  5. projetos que dão origem a programas contínuos como o Gastos Abertos.

Aberta a discussão.

Abraços,
Ariel


Próxima reunião de Conselho OKBR (2017-08-29)
#2

Seria possiível criar um fluxograma com os possíveis ciclos de vida de projetos?

Tem duas coisas que me preocupam particularmente na configuração atual:

  • Projetos que não tem continuidade. Quando se faz muito auê a respeito de um projeto, arrecada-se dinheiro, contrata-se empresa de TI para produzir, mas depois de dois anos ele não é mais usado, passa a idéia para a comunidade que tal projeto foi só uma desculpa para conseguir contratos para empresas de amigos. Precisamos passar fortemente a idéia que criamos soluções pragmáticas e duradouras para a sociedade.
  • Falta de apoio a idéias nascentes. Fato: nem todas as idéias são merecedoras de apoio, algumas por serem impráticas, outras por serem custosas, e outras ainda por estar fora do foco da OKBR. Porém deve existir um canal claro, aberto, acessível e óbvio para a comunidade poder sugerir projetos, e uma vez aceito, prover a eles um mínimo de apoio, talvez até mesmo no formato de coaching.

Eu me voluntario para ajudar em coaching e na curadoria de novos projetos da comunidade. Devemos criar um ambiente que fomente a inovação de tecnologias de dados abertos. Tem muita gente interessada em trabalhar nisso, seja startups ou voluntários na comunidade Open Source.